• Yan de Alcântara

Pré-jogo: Vasco x Madureira


Vasco e Madureira se enfrentam pela sexta rodada do Campeonato Carioca, neste sábado (27), às 15h30, no Estádio de Los Larios, em Xerém. O mando é do Cruz-Maltino, mas como a Prefeitura do Rio de Janeiro proibiu partidas de futebol na cidade entre os dias 26 de março e 4 de abril, a FERJ encaminhou alterações no mando dos jogos para fora da capital carioca. Desta forma, o confronto de logo mais será em Duque de Caxias. Apesar da decisão, os clubes podem treinar normalmente em seus CTs instalados no Rio.


O duelo colocará frente a frente duas equipes que vêm de vitória em suas últimas partidas. O Gigante da Colina conseguiu seu primeiro triunfo na temporada, batendo o Macaé, em São Januário. Por sua vez, o Tricolor Suburbano venceu o Bangu, em Conselheiro Galvão.


Com o primeiro resultado positivo no campeonato, o Vasco alcançou os 5 pontos e está em nono lugar. Já o Madureira é o único time invicto no Estadual e vem fazendo uma campanha consistente, ocupando a quarta posição, na zona de classificação para as semifinais da Taça Guanabara.

Vasco busca engatar mais uma vitória para, quem sabe, chegar nas semifinais da Taça Guanabara. Imagem: Divulgação/Vasco da Gama (Créditos: Rafael Ribeiro)

O confronto também terá a peleja entre dois atacantes que são destaques de suas equipes neste início de campeonato. Germán Cano? Nada disso! Pelo lado vascaíno, o atacante Gabriel Pec é o destaque na temporada e um dos artilheiros da competição com três gols. A joia do Gigante da Colina, de apenas 20 anos, parece ganhar cada vez mais confiança no time profissional e é o cara da equipe nos últimos jogos.


No Madureira, o destaque é o centroavante Luiz Paulo. O jogador de 30 anos já tem dois gols no Estadual e chegou ao Tricolor do subúrbio com as credenciais de ter sido o artilheiro do Ituano na Série C do Brasileiro. O atacante foi o autor do gol que garantiu a vitória do MEC, aos 48 do segundo tempo, na rodada anterior.


Últimas notícias


O Vasco acertou a contratação do atacante Léo Jabá, quarto reforço para a temporada, que chega por empréstimo junto ao PAOK, da Grécia, até o fim de dezembro. Jabá se junta ao zagueiro Ernando, ao lateral Zeca e ao meia atacante Marquinhos Gabriel, como reforços vascaínos para a sequência da temporada.


Para o jogo contra o Madureira, o treinador Marcelo Cabo irá preservar quatro jogadores: o zagueiro Leandro Castan, o lateral Léo Matos, o volante Andrey e o atacante Talles Magno. A novidade na equipe titular é o retorno do argentino Germán Cano. O goleador vascaíno da última temporada (24 gols) fará sua primeira partida como titular nesta temporada e no Cariocão. A única vez que o atacante entrou em campo na nova temporada foi contra a Caldense, pela Copa do Brasil, e ainda assim saindo do banco de reservas ao longo do segundo tempo

O Tricolor Suburbano segue como a única equipe invicta no Carioca e busca se consolidar entre os quatro primeiros para garantir a vaga na próxima fase. Imagem: Divulgação/Madureira EC (Créditos: Luis Miguel Ferreira)

Já pelos lados do Madureira, a novidade foi a reestreia do treinador Alfredo Sampaio no comando da equipe, na vitória contra o Bangu, na última rodada. Sampaio volta a dirigir o clube pela terceira vez (2006 e 2016). Vale a lembrança que em 2006 essa parceria terminou com o título da Taça Rio para o clube da Rua Conselheiro Galvão. Será que virá outra taça?


Retrospecto


As disputas recentes apontam favoritismo para o lado vascaíno. Nas últimas 5 partidas, são 5 vitórias do Cruz-Maltino, além de sete gols a favor e apenas um sofrido. No retrospecto geral, a vantagem é ainda maior. Em 131 jogos, são 105 vitórias do Vasco, contra apenas 10 do Madureira.


Embora no confronto histórico o Vasco da Gama leve ampla vantagem contra o Madureira, o jogo desta rodada tende a ser bem disputado. O time de São Januário busca regularidade e sua segunda vitória na temporada, enquanto o Madura vislumbra sua classificação para a próxima fase da Taça Guanabara, algo que não acontece desde 2017.


Um fato histórico interessante sobre a partida deste sábado, é que a torcida vascaína se movimentou nas redes para uma possível homenagem do clube, em razão dos 100 anos que o goleiro e ídolo Barbosa completaria exatamente neste dia 27 de março. A movimentação surtiu efeito e o Vasco preparou um mosaico em sua arquibancada social de São Januário com os dizeres “Barbosa 100”. Outro pedido da torcida é para que o goleiro Lucão vista a camisa número 100, em alusão ao centenário do ídolo.


Prováveis escalações


Vasco: Lucão; Cayo Tenório, Miranda, Ricardo Graça, Zeca; Bruno Gomes, Juninho, Carlinhos, Marquinhos Gabriel; Gabriel Pec e Germán Cano. Técnico: Marcelo Cabo


Madureira: Felipe Lacerda; Rhuan Rodrigues, Breno Calixto, Maurício Barbosa, Juninho Monteiro; Feitosa, Rodrigo Yuri, Nivaldo; Bruno Santos, Sillas Gomes e Luiz Paulo. Técnico: Alfredo Sampaio


20 visualizações0 comentário