• Alternativa Esportes

Jogadores em fim de contrato podem reforçar o novo bilionário Newcastle

Por Nícholas Franco


Thiago Silva, Modric, David Silva, Götze e Mertens poderiam pintar sem custo no St. James Park (FOTOMONTAGEM: NÍCHOLAS FRANCO / ALTERNATIVA ESPORTES)

Segundo o Jornal inglês “Telegraph”, o Newcastle United, tradicional clube inglês, será comprado por um príncipe saudita pela quantia de 300 milhões de libras (algo em torno de quase de dois R$ 2 bilhões). A informação ainda fala sobre um aporte financeiro de 160 milhões de euros destinada apenas para o investimento no elenco. O que pode fazer com que grandes reforços cheguem ao clube, principalmente em uma temporada em que se discute a não aplicação da regra do Fair Play Financeiro, por conta da pandemia do Covid-19 ter afetado os cofres das equipes.


No entanto, para uma primeira temporada de nova realidade e um projeto ambicioso, a profissionalização da gestão deve ser prioridade. Além disso, a realidade atual do Newcastle, é a 13ª posição na Premier League com 35 pontos. O clube ainda tenta atingir a pontuação necessária para escapar do rebaixamento (zona da qual tem oito pontos de vantagem a nove rodadas do fim), já que a distância para o pelotão de frente é ainda maior (os mesmos oito pontos em relação ao 6º colocado, que disputaria à Europa League, e outros 13 em relação à zona de classificação para a Champions League).

Siga a Alternativa Esportes no Twitter!

Sendo assim, o primeiro objetivo antes da chegada da nova gestão é a permanência na primeira divisão, e ao conseguir, deve-se pensar em um elenco que consiga vaga para as competições europeias. A ausência da equipe em campeonatos continentais pode afastar os principais nomes nesta primeira temporada. No entanto, há vários jogadores ficando livres de contrato ao fim da temporada 2019-2020 que poderiam ser seduzidos pela alta capacidade de pagar grandes salários da equipe a partir da chegada deste novo aporte financeiro.


Dentro da própria Inglaterra, os meias David Silva, do Manchester City, e Adam Lallana, do Liverpool, além do zagueiro Jan Vertonghen, do Tottenham, são bons exemplos de jogadores experientes que ficarão sem vínculo. O Chelsea também liberará três nomes de peso: os atacantes Willian, Olivier Giroud e Pedro Rodríguez, outros exemplos que poderiam chegar sem custos ao Newcastle.


O Paris Saint-Germain (FRA) é outro que não renovará contrato com vários nomes importantes: os laterais Thomas Meunier e Layvin Kurzawa, o zagueiro Thiago Silva e o atacante Edinson Cavani estão entre os principais nomes. Outros jogadores de peso que ficarão livres de contrato no mercado são os volantes Luka Modric, do Real Madrid (ESP), e Blaise Matuidi, da Juventus (ITA), os meias Mario Götze, do Borussia Dortmund (ALE), e Charles Aránguiz, do Bayer Leverkusen (ALE), além do atacante Dries Mertens, do Napoli (ITA). Eles são outros experientes jogadores que podem reforçar qualquer clube sem custos de contratação na próxima temporada. A longo prazo, o goleiro Manuel Neuer, do Bayern de Munique (ALE), ainda tem mais um ano de contrato com o clube bávaro, mas não deseja renovar e poderá deixar a equipe de graça após as duas próximas janelas.


Nenhum dos nomes está sendo especulado no Newcastle ainda, afinal a oficialização da venda por parte da Premier League deverá ser feito ainda nesta semana. Mas a julgar pela ambição do clube e o peso dos nomes que poderão chegar a qualquer equipe do mundo sem custos, não é difícil imaginar alguns deles jogando em breve com a camisa alvinegra do clube do norte da Inglaterra.

30 visualizações

© 2018 Alternativa Esportes. Orgulhosamente criado com Bruno Pinheiro. 

  • Facebook - Alternativa Esportes
  • Instagram - Alternativa Esportes
  • Twitter - Alternativa Esportes
  • Youtube - Alternativa Esportes
  • Facebook - Alternativa Esportes
  • Instagram - Alternativa Esportes
  • Twitter - Alternativa Esportes
  • Youtube - Alternativa Esportes