© 2018 Alternativa Esportes. Orgulhosamente criado com Bruno Pinheiro. 

  • Facebook - Alternativa Esportes
  • Instagram - Alternativa Esportes
  • Twitter - Alternativa Esportes
  • Youtube - Alternativa Esportes
  • Alternativa Esportes

Grêmio recusa proposta de quase R$ 200 milhões pelo atacante Everton

Por: Almeno Campos

Everton vem despertando interesse de clubes do mundo todo (Foto: Lucas Uebel / Divulgação Grêmio)

O Grêmio recusou uma proposta de 45 milhões de euros (R$ 198 milhões) do Beijing Guoan, da China, pelo atacante Everton. A informação foi divulgada pelo jornal Correio do Povo, do Rio Grande do Sul.


Na proposta entregue aos gremistas no fim de julho, o clube chinês ofereceu 5,5 milhões de euros à vista para adquirir o jogador por empréstimo até o fim do ano, com mais 39,5 milhões de euros, em janeiro, para completar os 45 milhões de euros. O Beijing Guoan se propôs a pagar 8 milhões de euros (pouco mais de R$ 35 milhões) anuais para Everton, em um contrato por quatro temporadas. A direção do Grêmio nega ter recebido qualquer oferta oficial pelo atacante.


A oferta foi apresentada ao Tricolor pelo empresário Fábio Britto. Após alguns dias de análise, o Grêmio recusou o valor e fez uma contraproposta de 60 milhões de euros (cerca de R$ 265 milhões) no dia 30 de julho, na véspera do fechamento da janela de transferências para o futebol chinês.


Inicialmente, a proposta do Beijing Guoan, clube onde joga o meia brasileiro Renato Augusto, não despertou o interesse de Everton. Mas as altas cifras do salário, além das bonificações previstas no contrato seduziram o atacante. mesmo assim, o Grêmio recusou.


Além do Beijing, outro time que sondou o Tricolor Gaúcho para ter o jogador foi o Arsenal. O diretor técnico dos ingleses Edu Gaspar, ex-Seleção Brasileira, procurou o empresário do jogador, Gilmar Veloz, e questionou os valores para a contratação. A pedida do Grêmio afastou o interesse dos Gunners, que depois contrataram o marfinense Nicolas Pépé, do Lille, por cerca de 72 milhões de euros (R$ 305 milhões).


Além do Arsenal, clubes como Manchester United, Manchester City, Bayern de Munique, Borussia Dortmund, Atlético de Madrid e Napoli manifestaram interesse. Os mercados alemão, espanhol e italiano têm a janela aberta até 2 de setembro. Já a janela inglesa fecha nesta quinta (08/08).

  • Facebook - Alternativa Esportes
  • Instagram - Alternativa Esportes
  • Twitter - Alternativa Esportes
  • Youtube - Alternativa Esportes